quarta-feira, 30 de outubro de 2013

[DÚVIDA] Mulheres na Marinha - Parte 1

Visita das candidatas a Miss Mundo Brasil ao Colégio Naval em 2011
Há muito tempo as moças me pedem uma matéria sobre isso... Então lá vai:

No mar, no ar e na terra... Brilha sempre ela, a Marinha de Guerra.

Você sabia que a Marinha do Brasil é considerada uma mãe por todos aqueles que ingressam nela?
E isso já parece demonstrar que na Marinha é comum o respeito e a obediência às mulheres.

E você sabia que a primeira Força Armada brasileira a aceitar mulheres em seus quadros foi a Marinha do Brasil?

"A Marinha foi a primeira das Forças Armadas a admitir mulheres. A turma pioneira ingressou no Quadro Auxiliar Feminino em 1981.

O início foi cauteloso e impôs ao grupo uma série de testes, sem garantia de efetivação.
Em 1998, o Quadro Auxiliar Feminino foi extinto e as mulheres se integraram aos corpos e aos quadros da Marinha, o que permitiu a elas igualdade de condições nas promoções e nas mudanças de patentes."
[Fonte: http://www2.correiobraziliense.com.br/cbonline/revistadocorreio/print.htm]

"O ingresso da Mulher na Marinha ocorreu por intermédio da lei 6807 de 07/07/1980 e esta foi regulamentada pelo decreto 85238 de 07/10/80. Na época, o Ministro da Marinha era o Almirante-de-Esquadra Maximiano da Silva Fonseca.

Ao longo desses anos de serviço, a participação da mulher na Marinha tem sido marcante.

Atualmente, elas ocupam as seguintes áreas, como Praças ou Oficiais: medicina, enfermagem, apoio à saúde, engenharia, arquitetura, construção civil, pedagogia, contabilidade, administração, direito, história, comunicação social, museologia, biblioteconomia, informática, economia, serviço social, psicologia, entre outras. Algumas, decorrentes de seus méritos, chegam a ocupar cargos de Direção e Vice-Direção.

A Marinha foi a pioneira entre as Forças a admitir as mulheres em suas fileiras e primeira em promover a mulher a um dos postos mais altos da hierarquia militar na história do Brasil. Em 2012, por meio de Decreto Presidencial, a Capitão-de-Mar-e-Guerra (Md) Dalva Maria Carvalho Mendes foi promovida ao Posto de Contra-Almirante. A Contra-Almirante (Md) Dalva pertence à primeira turma de mulheres que ingressou no Corpo Auxiliar Feminino da Reserva, em 1981, como médica na especialidade de anestesiologia."
[Fonte: http://www.mar.mil.br/hotsites/nomar/atuais/847/index.html]

http://www.mar.mil.br/hotsites/nomar/atuais/847/index.html
Você pode ler a revista na integra clicando aqui.
"Para ingressar na Marinha do Brasil, é necessário participar de Processos Seletivos (PS),  com as mais variadas formações: Ensino Médio, Curso Técnico em uma das áreas de interesse da Marinha do Brasil (para concorrer ao Processo Seletivo para Ingresso no Corpo Auxiliar de Praças) ou Curso Superior, relativo à profissão a que deseja concorrer, para ingresso nos Quadros de Oficiais, incluindo o Quadro Complementar de Intendentes, Quadro Técnico, Quadro de Médicos, Quadro de Cirurgiões-Dentistas, Quadro de Apoio à Saúde e Corpo de Engenheiros."
[Fonte:http://www.mar.mil.br/menu_h/integrantes_mb/mulher_mb.htm]


E era isso moças...
Agora, contamos com a participação de todas vocês nos processos seletivos da Marinha do Brasil!

10 comentários:

  1. Tenho 15 anos e quero ser medica da marinha. . devo fazer um curso técnico depois uma faculdade de medica para depois participar dos processos seletivos. ou existe uma maneira mais fácil ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gabriele, para você ser médica da marinha deverá ter o ensino superior de medicina. Você, possivelmente vai querer escolher uma área na medicina como cardiologista, neurologista, dermatologista entre outras. Não tem necesidade de fazer o curso técnico para ser médica da MB, mas fazer um técnico vai te ajudar a entender muito de medicina. Qualquer coisa entre no site www.ensino.mar.mil.br e veja com mais detalher. Boa sorte!

      Excluir
  2. Prezado,



    Sou Danielly, Engenheira Química, e estou interessada em realizar o concurso para entrar no Corpo de Engenheiros da Marinha 2014. Gostaria que você, por favor, me esclarece-se sobre o modo como é feito os testes de aptidão física, pois estou preocupada com esse teste, com relação ao item que descreve os limites mínimos de mobilidade a respeito da elevação e abdução do ombro a 90°.

    Meu braço desloca em situações críticas. Se o exercício for muito, muito puxado estou com receio dele deslocar, porém se for um exercício for tranquilo e executado lentamente, ou no tempo certo, meu braço irá executar normalmente.

    Como você descreve esse teste nessa etapa? Qual foi sua experiência? É muito puxado? É muito rígido? Eles são muito rígidos? Desde já muito obrigada.



    Att,



    Danielly Nascimento

    Engenheira Química

    ResponderExcluir
  3. estou querendo fazer técnico de informática para entrar na marinha, mas queria saber se é só um curso nomal de técnico de informática ou se é um especifico para militar ? e queria saber se técnico de informática na marinha viaja ? é mandado para fora do estado que mora ? e também queria saber se a prova é só do técnico de infomática ou tem outras matérias ?

    ResponderExcluir
  4. Olá, meu nome é Luana tenho 17 anos e estou interessada a cursar Biologia Marinha e fazer o concurso para a Marinha, queria saber se é possível trabalhar nessa área dentro da Marinha ?

    ResponderExcluir
  5. A prova de natação é na praia ou em piscina?

    ResponderExcluir
  6. A prova de natação é na praia ou em piscina?

    ResponderExcluir
  7. Tenho 16 anos e gostaria de e trar como soldado fuzileiro naval musico. Como q tenho que fazer, li o edital. Mas nao entendi se tenho q ter formaçao em musica ou nao. Toco trompete Bb atualmente.

    ResponderExcluir
  8. Gostaria de saber tenho que fazer algum curso superior para ser uma Marinheira ?

    ResponderExcluir
  9. Olá, meu nome é Rayene tenho 17 anos e estou interessada a cursar na área de enfermagem. Quais são os primeiros passos para entrar marinha?

    ResponderExcluir